SE INSCREVE NO NOSSO CANAL:

Após novas provas entregues à polícia, situação de Neymar se agrava; saiba o que vai acontecer

Como é de conhecimento, Neymar é investigado pela polícia por denúncia de estupro. Uma mulher registrou boletim de ocorrência contra o jogador na 6ª delegacia de defesa da mulher, em Santo Amaro, São Paulo. O atleta nega e se diz vítima de tentativa de extorsão. Hoje(3), novas provas foram apresentadas e a situação do craque não é nada fácil. De acordo com informações do portal Uol, os documentos entregues hoje são imagens que não constam no boletim de ocorrência, registrando na última sexta-feira, 31. Ainda segundo fontes especiais, nos registros é possível perceber que o craque de seleção brasileira agiu de maneira agressiva e violenta. A vítima ainda alegou que Neymar Jr. estava claramente alterado sob efeito de bebida alcoólica no dia 15 de maio, quando aconteceu o ocorrido. No depoimento, a vítima afirmou que o jogador manteve relação sexual sem consentimento. Abalada emocionalmente, ela voltou ao Brasil dois dias depois do ocorrido, em 17 de maio, mas só agora resolveu se pronunciar, pois estava psicologicamente abalada.
Para completar, um laudo médico de exames realizados no dia 21 de maio pela mulher que acusa Neymar de estupro aponta hematomas, problemas gástricos, perda de peso e sintomas de stress pós-traumático.
Os exames foram feitos seis dias depois do suposto encontro de Neymar com a mulher. O UOL Esporte teve acesso ao documento, que contém detalhes do tratamento e imagens que mostram hematomas grandes e escuros na região das nádegas e das pernas.
A reportagem checou a veracidade do documento com especialistas legais no assunto. O laudo contra Neymar ainda relata quadro de “dor, perda de peso, ansiedade e problemas gástricos pós-episódio de estresse emocional e hematomas provenientes de agressões na região das nádegas e pernas”.Imagens anexadas, que não serão reproduzidas pela reportagem para preservar a mulher, mostram grandes áreas roxas. Ela se queixou de tremor nos locais das agressões. Dentre as hipóteses de diagnóstico, estão transtorno misto ansioso e depressivo, síndrome dispética – um conjunto de sintomas gástricos e traumatismos superficiais múltiplos. O laudo foi feito por um médico particular de um renomado hospital de São Paulo.

fonte o tv foco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog Brasil Notícia e tv agradece o carinho, fique ligado em nosso blog.

add