SE INSCREVE NO NOSSO CANAL:

Após polêmica com Jair Bolsonaro, Marina Ruy Barbosa toma atitude drástica no Twitter

Marina Ruy Barbosa sempre teve uma relação muito próxima com os fãs no Twitter, mas um comentário nos primeiros dias do ano acabou colocando tudo a perder e ela teve que se afastar da rede social. O motivo foi a sua “torcida” pelo governo de Jair Bolsonaro no Brasil. Tudo começou quando a ruiva começou a fazer alguns comentários sobre a posse do político no dia 1º de janeiro. Isso foi o suficiente para que alguns seguidores passassem a vê-la como apoiadora do presidente eleito. Entre os comentários recebidos, ela chegou a ser chamada de Barbie. Agora, diante da situação, Marina Ruy Barbosa cortou todas as interações na rede social, e desde o dia 2 de janeiro, ela limitou-se apenas a emitir um comunicado desmentindo a polêmica com Lilia Cabral nos bastidores da novela O Sétimo Guardião. Há ainda menos de cinco retweets em elogios à sua personagem. Na época da polêmica com Bolsonaro, Marina Ruy Barbosa havia disparado: “Nós temos que desejar e torcer sempre por um país melhor, independente de quem esteja governando”. Imediatamente, ela foi ironizada: “Poxa, galera, vocês já pensaram o quanto Marina Ruy Barbosa tem a perder com o novo governo?”. 







A atriz então agradeceu e foi informada que tratava-se de uma ironia. “Amore ele tá tirando sarro e debochando de vc ser branca, hetero, cis, e privilegiada e vir com esse discursinho raso de barbiezinha burguesa”, esclareceu a seguidora. Revoltada, Marina Ruy Barbosa foi clara e disparou: “Não é torcer pelo presidente, é torcer pelo país… e não me chame de Barbie!”. A publicação foi apagada logo em seguida. Entre as críticas, um seguidor chegou a acusar Marina e o marido, Alexandre Negrão, de ter apoiado publicamente Jair Bolsonaro. Sem rodeios, ela disparou: “Quero que você me prove isso! Quanta mentira!”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog Brasil Notícia e tv agradece o carinho, fique ligado em nosso blog.

add